Permanecer?

1962714_722728284414117_956183378_n

Segundo o Dicionário Web, PERMANECER é um verbo intransitivo e significa: perseverar, insistir e ficar.

Mas o que impulsiona o ato de PERMANECER não é esclarecido, nem explicado.
O “permanecer” acontece quando se tem segurança e certeza, então neste momento vem o chamado da permanência.
Pode-se permanecer em um curso, em um emprego ou relacionamento, quando as condições são favoráveis e geram uma sensação de bem estar apesar das dificuldades.
Pode-se tomar como exemplo, um universitário que permanece por quatro anos se dedicando ao mesmo curso. Alguns param ou mudam, outros persistem.
Na mesma linha de pensamento, mas de uma maneira infinitamente complexa, é a vida. Existem milhares de decisões que são tomadas, algumas impensadas, nada prudentes, enquanto outras passam por profunda análise. E ainda assim não existe garantia de sucesso.
Mas aquele que decidiu aceitar a Cristo como seu único e suficiente salvador tem uma perspectiva diferente a respeito da vida.

Tendo sido, pois, justificados pela fé, temos paz com Deus, por nosso Senhor Jesus Cristo; pelo qual também temos entrada pela fé a esta graça, na qual estamos firmes, e nos gloriamos na esperança da glória de Deus. E não somente isto, mas também nos gloriamos nas tribulações; sabendo que a tribulação produz a paciência,e a paciência a experiência, e a experiência a esperança. E a esperança não traz confusão, porquanto o amor de Deus está derramado em nossos corações pelo Espírito Santo que nos foi dado.
Romanos 5:1-5

O universitário sabe que ao fim de quatro anos, entre provas e dificuldades, ele receberá o seu diploma. Logo, o que faz ele permanecer estudando é a conclusão do curso, que é incerta. Mas ele tem ESPERANÇA que aconteça.

Na caminhada com Cristo existe uma conclusão, felizmente o final é certo. Então, como está em Hebreus 10:23: “Retenhamos firmes a confissão da nossa esperança; porque fiel é o que prometeu”. A esperança do verdadeiro cristão não é incerta, não gera margem de dúvida, não há motivos para desistir. Se um estudante consegue manter a fé em uma folha de papel, o cristão não pode hesitar em PERMANECER em Cristo Jesus. Ainda que longo seja o caminho, com provas infindas e momentos de silêncio.

Ó minha alma, espera somente em Deus, porque dele vem a minha esperança.
Só ele é a minha rocha e a minha salvação; é a minha defesa; não serei abalado.
Em Deus está a minha salvação e a minha glória; a rocha da minha fortaleza, e o meu refúgio estão em Deus.
Salmos 62:5-7

PERMANECER até fim. Quão distante é o fim?
Jesus esteve entre os homens e PERMANECEU como homem, passando pelas mesmas provações e sofrendo as dores, não apenas de um homem, mas de toda a humanidade. E Ele, com toda Sua glória PERMANECEU até o fim de Seus dias na terra, para livrar todo homem e mulher de sofrer.

Jesus Cristo permaneceu até o fim, na esperança que o mundo aceite que o pecado não é o dominador, nas esperança que as pessoas entendam que o diabo foi derrotado e isto é irreversível, que todo o poder pertence a Deus, toda a força pertence a Deus, e se nós tomarmos a decisão de PERMANECER em Deus a fim de alcançar a vida eterna, Ele é quem alimenta a nossa ESPERANÇA, nos mantém em um porto seguro durante noites tempestuosas, e em dias sem brisa conduz o barco.
Deus é a esperança que nos faz permanecer.
Quando a alma se afligir, a esperança dá segurança, e, seguros escolhemos PERMANECER.

A Esperança é a Âncora da Alma.
Hebreus 6:19

 Aracelli de A. Amorim

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.